Amo-te, sabes? Amo e amo e não mereço isso da tua parte. Não mereço qualquer tipo de resposta torta, ou qualquer tipo de indiferença. Dediquei-me a ti como nunca fiz com ninguém. Fizeste com que me apaixonasse por nós e agora estás a virar as costas, estás a resumir-te a um cobarde? Das duas uma: ou eu andei cega este tempo todo, ou estás-te a armar em estúpido. E o pior é que tens esse dom horrível, esse dom de me fazer arrepender por cada segundo de todos estes meses. Fazes-me arrepender por te ter deixado saber tudo, tudo tudo tudo e não pode. Tu não és, tu nunca te mostraste ser como os outros. Portanto não te resumas e isto, não me desiludas. Recompõe-te e deixa-te continuar a ser o meu super-homem.

14 comentários:

Maggs ☮ disse...

nem sempre é mau :s

Maggs ☮ disse...

aha eu também :)

joanaf disse...

adoooooorei !
hey, também o meu :) amei mesmo, este ano quero que seja ainda meeeeeelhor !

; mariana disse...

gostei muito do blog , sigo (:

; mariana disse...

ouh , obrigado :$

; mariana disse...

(:

Flávio Miguel Mata disse...

Ainda não acabei de ler, mas estou a gostar muito :)

Flávio Miguel Mata disse...

O Nicholas é um excelente escritor (:

Flávio Miguel Mata disse...

São histórias bonitas e bem contadas.

Nádia disse...

"Das duas uma: ou eu andei cega este tempo todo, ou estás-te a armar em estúpido." revejo-me nestas palavras.
lindo *

Daniela de Sousa disse...

gostei bastante :$
vou seguir :D

joanaf disse...

meeesmo, foi tão bom :)

Maggs ☮ disse...

pois é :b

Maggs ☮ disse...

oh princesa, não sabes o que perdes !