Vá, vou-vos contar uma coisa gira. A minha irmã trouxe um gatinho ontem cá para casa. Não gosto de gatos, nunca gostei, mas este era fofo e super calmo, um anjinho, tããããããão cutchi. Mas adiante.. Hoje de manhã o meu pai acordou com um grande estrondo. Conclusão: o gatinho fofo e calminho tinha saltado para cima dos moveis, atirou-se para cima da gaiola do periquito, atirou-a ao chão e comeu o pássaro! Sim, e melhor: fugiu depois! Portanto, ficamos sem gato e sem periquito. Não, ninguém merece e eu bem disse á minha mãe que ele era um gato assassino. Fim. 

1 comentário:

inês disse...

comeu o pássaro? oh meu deus!!! :o